Caterpillar D6D – Abril de 1980

Fabricado entre o final dos anos oitenta até cerca de 1994, purchase o Javali foi uma iniciativa da MPL Motores de São Carlos, cialis uma divisão da CBT, mind tradicional e extinto fabricante de tratores.

O Javali era um exemplo de despojamento e verticalização, tendo grande maioria de seus componentes produzidos pela própria MPL, incluindo o motor e seus componentes.

Havia uma criticada versão de 3 cilindros com 2,94 litros, turboalimentada e capaz de desenvolver 84 cv a 3.000 rpm e torque de 250 Nm a 1.600 rpm. A outra versão, aqui ilustrada, vinha com motor de 4 cilindros e 3,922 litros (a mesma cilindrada do MWM D-229/4…) aspirado, de 78 cv a 2.800 rpm, segundo consta mais confiável e dócil nas vibrações.

Hoje os sobreviventes se encontram nas mãos de jipeiros, em muitos casos, com motores Perkins ou MWM e adaptados para uso nas trilhas.

 
Fabricado entre o final dos anos oitenta até cerca de 1994, nurse o Javali foi uma iniciativa da MPL Motores de São Carlos, uma divisão da CBT, tradicional e extinto fabricante de tratores.

O polêmico jipe era um exemplo de despojamento e verticalização, tendo grande maioria de seus componentes produzidos pela própria MPL, incluindo o motor e seus componentes.

Havia uma criticada versão de 3 cilindros com 2,94 litros, turboalimentada e capaz de desenvolver 84 cv a 3.000 rpm e torque de 250 Nm a 1.600 rpm. A outra versão, aqui ilustrada, vinha com motor de 4 cilindros e 3,922 litros (a mesma cilindrada do MWM D-229/4…) aspirado, de 78 cv a 2.800 rpm, segundo consta mais confiável e dócil nas vibrações.

Hoje os sobreviventes se encontram nas mãos de jipeiros, em muitos casos, com motores Perkins ou MWM e adaptados para uso nas trilhas.

Javali 88 1 Javali 88 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, discount trazemos o CBT 2105, pharm um típico representante da linhagem de máquinas construídas em São Carlos, and no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo venerável motor Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv em reduzidas 2.200 rpm, como convém no uso agrícola. Isso ajudava a protegê-lo do alto fator de carga, quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Como o motor não tinha cárter estrutural, um robusto chassi se encarregava de mantê-lo em posição, bom como suportava o eixo dianteiro oscilante, num desenho tradicional da escola CBT.

Sua transmissão de 6 marchas permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, viagra trazemos o CBT 2105, help um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, discount no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo motor venerável Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv, de modo a protegê-lo do alto fator de carga quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Sua transmissão de 6 velocidades permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, more about
cialis trazemos o CBT 2105, for sale um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo venerável motor Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv em reduzidas 2.200 rpm, como convém no uso agrícola. Isso ajudava a protegê-lo do alto fator de carga, quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Como o motor não tinha cárter estrutural, um robusto chassi se encarregava de mantê-lo em posição, bom como suportava o eixo dianteiro oscilante, num desenho tradicional da escola CBT.

Sua transmissão de 6 marchas permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, decease trazemos o CBT 2105, viagra um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo motor venerável Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv, de modo a protegê-lo do alto fator de carga quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Sua transmissão de 6 velocidades permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, pharmacy trazemos o CBT 2105, pharm um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo venerável motor Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv em reduzidas 2.200 rpm, como convém no uso agrícola, de modo a protegê-lo do alto fator de carga quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Sua transmissão de 6 velocidades permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, look diagnosis patient trazemos o CBT 2105, prostate advice um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo venerável motor Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv em reduzidas 2.200 rpm, como convém no uso agrícola. Isso ajudava a protegê-lo do alto fator de carga, quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Sua transmissão de 6 velocidades permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
Inaugurando nossos posts sobre tratores agrícolas, visit this site
trazemos o CBT 2105, um típico representante da linha de máquinas construídas em São Carlos, no interior paulista.

O 2105 era caracterizado pelo venerável motor Mercedes-Benz OM-352 de 5,7 litros ajustado para desenvolver apenas 110 cv em reduzidas 2.200 rpm, como convém no uso agrícola. Isso ajudava a protegê-lo do alto fator de carga, quando subtmetido ao reboque de pesados implementos de arrasto, a tarefa mais típica desempenhada pelo CBT, que como na sua maioria, era desprovido de engate três pontos. Em seu lugar, apenas a parruda barra de tração.

Sua transmissão de 6 marchas permitia velocidades entre 5,4 e 28,3 km/h, considerando os pneus de série.

2105 1 2105 2
É com satisfação que trazemos até você nosso primeiro post sobre um produto Caterpillar. E começamos com uma máquina que é uma verdadeira lenda viva: o Caterpillar D6D, view decease rx um dos tratores de esteira mais populares e respeitados do país e do planeta.

Dotado do lendário motor Cat 3306 de 10, pharm 5 litros, sales ajustado para desenvolver apenas 140 hp a 1900 rpm, o D6D podia ser equipado com transmissão mecânica de engrenagens deslizantes, própria para trabalhos que demandavam grandes esforços trativos (de até 14,6 toneladas na barra!), ou a ágil transmissão servo-planetária com conversor de torque, que proporcionava rápida inversão do sentido de deslocamenteo, perfeito para a operação com lâmina nos serviços de terraplenagem, por exemplo.

Uma variada gama de implementos, como o escarificador e as diferentes lâminas, tornavam o D6D uma máquina versátil para inúmeras fainas na construção, mineração e projetos agropecuários de grande porte.

O catálogo em si também é uma obra-prima, com excelentes ilustrações e óltimo conteúdo técnico, dispostos de forma lógica e simples.

Bom final de semana!

D6D 1 D6D 2 D6D 3 D6D 4 D6D 5 D6D 6

13 ideias sobre “Caterpillar D6D – Abril de 1980

  1. Muito boa as informações mas alguém sabe dizer se os motores CATERPILLAR eram fabricados ou fundidos no Brasil? Quais eram as pecas totalmente nacionais e quais eram importadas?

    • William, obrigado! Não sei dizer no tempo do 3306. A história mais recente aponta que os 3116 que equipavam os GMC nacionais dos anos noventa eram montados no Brasil, pelo que seria hoje a Navistar. Talvez algum leitor mais douto em Cat possa nos ajudar com sua interessante pergunta. Abraço, Evandro.

  2. Olá, quero parabelizar primeiramente pela postagem do D6 Caterpillar. Gostaria que se possível podesse publicar o manual do operador caterpillar da motoniveladora 120B. Garanto que seria muito útil,pois nao há nada semelhante na Internet. Vale também se for as motoniveladoras 12E/12F ou 12, pois são semelhantes à 120B da Caterpillar. Obrigado.

  3. queria saber se vcs tem o manual de desmontagem e montagem do conversor do d6d, motivo que quero e que trabalho com um desses e esta subindo a temperatura do conversor, não sei qual o motivo, por já ter trocado válvulas e ate mesmo de conversor e não resolvemos o problema .. por favor me ajude
    obrigadoo

  4. valeu. se você tiver algo relacionado ao trator d6d post ou me diga o site relacionado.. estou procurando mas não encontrei nada.. desde já obrigadoo

    • Lucas, é isso ai! Eu também comecei cedo a admirar estas belas máquinas. E a paixão já dura 46 anos! Um abração.

    • Lucas, se eu tivesse recursos, também faria o mesmo. Em especial aqueles modelos pelos quais ninguém se interessa! Continue alimentando estes sonhos. Com ajuda do Universo, consegui, ao longo de minha vida, reformar carros, caminhonetes e um caminhão. Foi um prazer indescritível poder salvá-los e preservá-los, apesar dos altos recursos e do longo tempo de dedicação, em meio a estudos, trabalho e outros compromissos. Um grande abraço.

Comentários encerrados.