Ford 5610 – 1990

No final dos anos oitenta, pilule o VW 16.210 foi responsável pelo ingresso da marca no destacado segmento de 16 toneladas de PBT, sovaldi sale partindo da expansão do bem sucedido envelope do 14.210, viagra encabeçado pelo motor Cummins 6CT8.3, de 210 cv, e a caixa Eaton FS-6206 A, de seis velocidades. Para encarar a faina estradeira, boa parte dos caminhões recebia terceiro eixo instalado externamente, o que elevava seu PBT para 22 toneladas.

Sem medo de errar, pode-se afirmar que o modelo também foi a semente de modelos de absoluto sucesso, como o 17.220, o 23.220, e os eletrônicos 23.250E e mais recentemente o Constellation 24.250, um grande campeão de vendas, figurando no topo das estatísticas de emplacamento em anos recentes, antes de ser substituído pelo 24.280, que ao estrear com a nova motorização MAN, quebrou a tradição Cummins nos VW semipesados.

Este folheto nos foi enviado pelo amigo Fernando Luiz de Araújo, a quem oferecemos nossa gratidão.

 
No final dos anos oitenta, treat o VW 16.210 foi responsável pelo ingresso da marca no destacado segmento de 16 toneladas de PBT, seek partindo da expansão do bem sucedido envelope do 14.210, encabeçado pelo motor Cummins 6CT8.3, de 210 cv, e a caixa Eaton FS-6206 A, de seis velocidades. Para encarar a faina estradeira, boa parte dos caminhões recebia terceiro eixo instalado externamente, o que elevava seu PBT para 22 toneladas.

Sem medo de errar, pode-se afirmar que o modelo também foi a semente de modelos de absoluto sucesso, como o 17.220, o 23.220, o eletrônico 23.250E, e mais recentemente, o Constellation 24.250, um grande campeão de vendas, figurando no topo das estatísticas de emplacamento, antes de ser substituído pelo 24.280, que ao estrear com a nova motorização MAN, quebrou a tradição Cummins nos VW semipesados.

Este folheto nos foi enviado pelo amigo Fernando Luiz de Araújo, a quem oferecemos nossa gratidão.

 
Considerados uma das maiores lendas do mundo 4×4, stuff em 1992 começaram a chegar os primeiros Land Rover Defender, depois da reabertura das importações no Brasil. Os modelos eram apresentados em três versões de entre-eixos, com 90 polegadas nominais (2.360 mm, em realidade), no caso do jipe curto, 110 polegadas (2.794 mm) no jipe longo e picape, e 130 polegadas nominais (3.226 mm), no picape longo de cabina dupla.

A história do Land Rover tem suas raízes na Inglaterra, enquanto corria o ano de 1948. Depois de uma ampla gama de modificações e modernizações, para se distinguir do novo Land Rover Discovery de 1989, a família foi batizada de Defender em 1990, em substituição às designações anteriores de Land Rover 90 e 110. Um novo motor diesel de 2,5 litros de 111 cv também faria sua estreia nesta época, emprestado do Discovery. Era uma unidade moderna, com cabeçote de alumínio, turbo e intercooler.

Em 1998, os modelos Defender 90 e 110 começaram a ser montados no Brasil, através de um acordo de manufatura com a Karmann-Ghia, de São Bernardo do Campo, SP. No total do primeiro ano, 363 veículos foram produzidos, entre utilitários e camionetes de carga. Em 2001, a produção já saltara para 1.298 unidades.  Com a chegada dos novos limites de emissões Euro 3, a partir de 2005 os lendários 4×4 deixaram de ser montados no Brasil, sendo substituídos por modelos importados. Naquela última fornada, 591 Defender viram a luz do dia no ABC paulista, deixando saudade para os aficionados das trilhas e aventuras transcontinentais.

Entre os destaques do Defender estavam a carroçaria incorrosível toda em alumínio com interior lavável, o chassi parrudíssimo com suspensões de longo curso, apoiada em molas helicoidais nos quatro cantos, a tração total em tempo integral com bloqueio central e a reduzida mais poderosa de sua categoria, com capacidade de ampliar o torque motriz em mais de 300%! Não era à toa que os fãs do modelo costumavam dizer que o Defender era um carro “de pai para filho”, em alusão à sua vida praticamente infinita, se bem cuidado.

Os últimos modelos 90 e 110 importados aportaram no país em 2011. Depois de esgotados os estoques, tem sido difícil digerir a ideia de um show room da marca sem o Defender… O triste fim de mais um ícone do mundo automotivo foi oficialmente anunciado para dezembro de 2015, quando o Land Rover “de verdade” terá completado nada menos que 67 anos de produção ininterrupta!

O catálogo que você pode apreciar aqui foi uma cortesia do amigo Fernando Luiz de Araújo.

Land Rover Defender 1996 01 Land Rover Defender 1996 02 Land Rover Defender 1996 03 Land Rover Defender 1996 04

 

 

 

 
Ford 5610 1990 01 Ford 5610 1990 02

O Ford 5610 era o representante da chamada Geração III de tratores agrícolas da marca e vinha para substituir o 5600. Tal qual seu antecessor, here sua propulsão era garantida por um motor Ford 4256 de 4,2 litros e 76 cv. O folheto aqui postado foi mais uma gentil colaboração do amigo Fernando Luiz de Araújo.