Mercedes-Benz 1215C – Novembro de 1999

 

 

 

 

 

 

 

Em adição ao R112MA postado anteriormente, buy treat estamos agregando o R112H, pharm bem mais popular que o MA. Apesar de que, prostate ao seu tempo, o bicudo T112 superava o modelo de cabina avançada por larga margem.

A Scania, tentando promover as vantagens dos modelos de cabina avançada, preparava literaturas específicas para tal. Hoje seria difícil imaginar o fato, num tempo em que a preferência maciça do mercado recai justamente nas cabinas cara-chata.

Abraços.

 

 

 
 

 

 

 

 

 

 

Em adição ao R112MA postado anteriormente, prescription estamos agregando o R112H, troche bem mais popular que o MA. Apesar de que, generic ao seu tempo, o T112 superava o modelo de cabina avançada por larga margem.

A Scania, tentando promover as vantagens dos modelos de cabina avançada, preparava literaturas específicas para tal. Hoje seria difícil imaginar o fato, num tempo em que a preferência maciça do mercado recai justamente nas cabinas cara-chata.

Abraços.

 

 

 
 

 

 

 

 

 

 

Em adição ao R112MA postado anteriormente, tadalafil estamos agregando o R112H, online bem mais popular que o MA. Apesar de que, ao seu tempo, o T112 superava o modelo de cabina avançada por larga margem.

A Scania, tentando promover as vantagens dos modelos de cabina avançada, preparava literaturas específicas para tal. Hoje seria difícil imaginar o fato, num tempo em que a preferência maciça do mercado recai justamente nas cabinas cara-chata.

Abraços.

 

 

 
O 1215C era o representante da famíla FPN de cara-chatas da Mercedes e  veio para substituir o 1214C, viagra cialis portando nova motorização eletrônica OM-904-LA de 152 cv.

O modelo já incorporava as modernizações e reduções de custo da “Série Brasil”, identificada pelo exterior renovado, com faróis quadruplos redondos.

11 ideias sobre “Mercedes-Benz 1215C – Novembro de 1999

  1. Excelente caminhão , mais no meu pensamento , todos os MERCEDES-BENZ 1215C deveriam ser com diferencial reduzido apesar de algumas pesoas altera-los para reduzido , até quem um caminhão com diferencial simples mais com motor mecânico ainda passa , o motor eletrônico com a caixa de 5 marchas e diferencial simples o caminhão fica um pouco lento em fortes aclives mais é um caminhão bom ! . Obrigado ! .

    • Breno, tem razão. O diferencial reduzido é sempre uma dádiva, sobretudo naquelas horas em que uma marcha é pouco e a outra é demais. Salvo nos casos do pessoal que trabalha muito leve, o HL-5 faz um “servição” nos Mercedes assim equipados. Abraço e grato por comentar.

      • Com certeza grande amigo ! . O caminhão não é ruim ! . Porém com esse diferencial simples fica bem restrito ! . Esses MERCEDES-BENZ 1516(ALGUNS QUE ERAM DIFERECIAL SIMPLES , POIS ELES TAMBÉM TEM DIFERENCIAL REDUZIDO) , 1317 mesmo não sendo reduzidos , tinham muita força , já vi muita gente que colocou diferencial reduzido de 1618 nesse caminhão 1215 C e teve uma melhora incrivel na força ! . Até mais ! .

  2. Olá EVANDRO ! . Desta vez para pedir 2 sugestões estou querendo colocar diferencial reduzido no meu 1215C ano 2001 , sendo que o ROCKWELL 250 usado , 10 furos é R$ 10.000 novo R$ 25.000 , e o HL-4 da MERCEDES-BENZ é R$ 12.000 , novo R$ 23.000 : . 2 Duvidas : . 1º Neste caso novo ou usado ? . 2º ROCKWELL ou HL-4 MERCEDES-BENZ ? . Obrigado ! .

    • Breno, acho que você se refere ao HL-5, não? O HL-4 não tem reduzida, até onde eu saiba. Abraço.

  3. Olá EVANDRO ! . È verdade , o HL-4 é simples, e o HL-5 é reduzido! . Desculpas ! . Mas em fim quero colocar um diferencial reduzido no meu MERCEDES-BENZ 1215C ano 2001 , e peço sua sugestão a respeito : . 1º Novo ou usado ? . 2º HL-5 ou ROCKWELL 240 ? . O que acha EVANDRO ? . Se puder me ajudar agradeço ? . Obrigado ! .

    • Olá, Breno. Desculpe-me a sinceridade, mas eu sou totalmente contrário a este tipo de modificação. Eu sou o “zé original”. Sempre que me meti a modificar algo que a fábrica levou anos de pesquisa para desenvolver, me dei mal. Eu, neste caso, trocaria de caminhão por um que tivesse reduzida. Mas é apenas a minha modesta opinião. Respeito integralmente a sua, mesmo que seja distinta da minha. Lembre-se que vai ter de se preocupar com a calibração do tacógrafo devido às relações diferentes, além de precisar de um modelo específico para eixo de duas velocidades, sem falar do cardan, do suporte de molas, etc., etc. Um abraço e boa sorte.

      • Olá ! . Realmente original é melhor que a cópia , mais optei pelo rockwell 240 reduzido , as modificações foram : . Mangueira da redução , balanceamento dos cardans , grampos , de restante nada precisou ser alterado , também respeito totalmente a sua opinião ! . Mais o caminhão ficou ótimo ! . Obrigado pelo conselho ! . Até mais ! .

        • Breno, que bom que ficou bom! Você certamente escolheu um dos mais robustos eixos do mercado. Dizem que é inquebrável. E o tacógrafo? Precisou recalibrar? Está indicando as velocidades corretamente? Cuidado com as multas nos “pardais”. Lembrando que as relações mais comuns do 240 são 4,10/5,59:1, 4,56/6,21:1, 4,88/6,65:1, 5,57/7,60:1 e 6,14/8,38:1. E seu 1215C tem eixo HL-4 com redução 6,143:1. Portanto, se você deu sorte de pegar um 240 com 6,14/8,38:1, você só vai ter indicação errada de velocidade (e distância) quando estiver com a reduzida acionada.

          Espero ter ajudado.

          Um abraço.

  4. Olá EVANDRO ! . Sexta feira fiz o teste na estrada a caminho da minha casa , o tacografo funcionou , os cabos dele estão funcionando bem , o tècnico veio comigo na cabine com o aparelho de aferição , e tudo esta ok , aé ia comprar um caminhão com diferencial reduzido , mais como o diferencial estava barato , resolvi colocar diferencial reduzido no meu MERCEDES-BENZ 1215C ,coloquei o alongado 10X41 além de andar muito , esta subindo muito também ! . Obrigado ! .

Comentários encerrados.