Mercedes-Benz LS-1630 – Agosto de 1997

Este post é o segundo do LS-1630 da família HPN, store a pedido de um de nossos leitores.

Junto com o menos popular LS-1625, viagra o LS-1630 acabou herdando o espaço criado pelos LS-1519, LS-1524 e LS-1525, antecessores da família AGL, no segmento de entrada dos pesados.

O LS-1630 tinha a exclusiva vantagem dentre os modelos mencionados de poder tracionar semirreboques de 3 eixos. Essa vantagem alavancou sua imagem e deu espaço para os seus sucessores crescerem, na forma do LS-1632, LS-1633 e LS-1634, este último um híbrido, combinando elementos do LS-1633 e do bem sucedido LS-1935.

Seu DNA continua vivo no novo Atron 1635 Euro 5.

 

51 ideias sobre “Mercedes-Benz LS-1630 – Agosto de 1997

  1. Acho que estes modelos 1625 e 1630 foram os equivalentes 5 cilindros dos 1935 e 1941 que usavam mesmo bloco mas com 6 cilindros. Tenho uma duvida: Afinal quais as tecnicas que a mercedes utilizava para tornar um mesmo bloco com mesma cilindrada tem tanta diferenca de potencia, quais foram os recursos que ela utilizou para tornar o motor 1935 (1625) um 1941(1630) (pistoes mais reforcados? bomba injetora diferente? comando diferente? Como isto comprometeria a durabiliade do motor, sera que um 1941 duraria menos do que o equivalente 1935 (ja que este ultimo nao era tao exigido? Sera que para compensar isto os pistoes e bielas e outros componentes eram mais reforcados?) Fica ai a questao, visto que na mesma epoca os equivalentes da scania que eram seus concorrentes o 113 e o 143 eram motores bem diferentes em cilindrada para se obter potencias semelhantes.

    • Caro William, bom dia!
      Desculpe-nos pela demora para responder. Ficamos alguns dias ausentes do blog.
      Há inúmeros fatores a se considerar quando se traça este tipo de paralelo. A começar pela presença de intercooler em três dos modelos citados. O LS-1625 em suas primeiras versões era equipado com motor turbo, sem intercooler, de 252 cv, ou 25,6 cv/litro. O LS-1630 tinha intercooler no seu motor OM-449 LA, o que permitia um aumento de potência para 300 cv, ou 30,1 cv/litro, praticamente a mesma potência volumétrica do OM-447 LA de 354 cv do LS-1935, de 29,6 cv/litro. No LS-1941, o mesmo motor OM-447 LA rendia 408 cv, o equivalente a 34 cv/litro, graças a um diferente “rating”, ou calibração, que podia envolver pricipalmente a bomba injetora, o “timing”, os injetores e pistões. Normalmente são nestes itens que se trabalham durante o desenvolvimento do motor para obter os diferentes “ratings”. O “top rating” é desenvolvido levando-se em consideração as condições limítrofes do motor, como pressão de cilindro, temperatura de escape, atendimento aos níveis de emissões exigidos, “surge” ou “overspeed” do turbo, entre outros. Este devia ser o caso dos 408 cv do LS-1941. O LS-1935 de 354 cv era possivelmente um “de-rate” do 408 cv.
      Em princípio, quanto maior a potência de um motor para um mesmo fator de carga (% do tempo de operação a plena carga), menor a sua durabilidade. Por isso, um motor Scania DS-11 que tinha 305 cv no T112 era calibrado para oferecer menos de 200 cv numa embarcação de serviço, ou numa máquina de terraplenagem.
      Outro aspecto mencionado é a configuração de cilindros. Os fabricantes europeus usualmente desenvolvem famílias de 5 e 6 cilindros com idêntico diâmetro e curso dos êmbolos, de modo a diminuir os custos de desenvolvimento e padronizar componentes complexos, como pistões, cilindros, cabeçotes. Ocorre que a dinâmica de um motor de 5 cilindros é bastante distinta de um 6 cilindros. Só para começar, lembremos que num 6 cilindros, há uma combustão a cada 120 graus do virabrequim e no 5, uma a cada 144 graus. Isso, entre outros fatores, tornam as relações entre motores de 5 e 6 cilindros não diretamente proporcionais, como nos exemplos citados.

      Esperamos ter ajudado!
      Obrigado.
      Um abraço, Evandro.

  2. Valeu pelas informacoes, mas sera que se alguem tivesse um 1935 poderia com ajuda de um mecanico e calibragem na bomba e ajustes no turbo transforma-lo entao num 1941 sem necesssidade de troca de pistoes ou de comando de valvulas? Sera que o material empregado nos pistoes do 1941 era mais resistente?

    • William, estas informações somente mesmo um posto Bosch ou um concessionário Mercedes para saber, pois são muito específicas e não divulgadas abertamente. Obrigado e um abraço, Evandro.

    • Quanto a mecanica é a mesma do 35, mas não tem o primeiro pistão, o resto tudo igual. mecânica mais barata, gastei 4 mil a menos pra fazer o motor comparado ao 35. a turbina é mais cara, mas da pra colocar a do 35 e fica muito bom, experiência própria. pra carreta 3 eixos, possui tara de 6400 kg, 1 tonelada menor que o 35 e 113, consumo do diesel faço 3,1km/l no chapadão, já tenho quase 30 anos de estrada e sei bem como tirar o melhor do caminhão, percussão de ida com 27 toneladas e volta com 8 toneladas(peso das cargas). se for pra por no truck, ou pra usar em estradas com serra, não recomendo!!

      • Amigo William, muito valiosos seus comentários e dicas! Uma curiosidade, por que o LS-1630 não funcionaria no truck? Vejo muitos 1630 no truck com caçambão. Agradeço seus comentários. Um abraço.

        • É um caminhão pesado, deve passar com 13 toneladas na balança, enquanto um 1620 passa com 15, então ele é limitado por causa disso. Essas 2 toneladas pode ser suficiente pra não conseguir carregar dentro da lei. Essas duas toneladas é fruto do 1630 ser muito mais reforçado, 66 toneladas de CMT, enquanto o do 1620 é 32 toneladas. Por ele ser robusto é mais utilizado em aplicações pesadas, fora de estrada, como nas caçambas. o diferencial do 1620 não costuma aguentar esse tipo de aplicação e é cara a manutenção dele.

  3. Qual a diferença entre o 1630 e o 1633 comercializado na Argentina? Como ele consegue ser mais potente 330cv? e por fim, Porque ele não foi comercializado aqui no Brasil?

  4. O MB1630 foi um grande caminhão. Até hj é muito utilizado para puxar carreta baú com carga leve. Agora se a idéia é transformar um cavalo mecânico em um 6×2 com carroceria, acredito que não a melhor escolha. Por experiência propriá, já tive um veículo deste 5 cilindros no truck. Mas isto a 17 anos atrás, onde não tínhamos estes caminhões mais modernos de hj, tipo Atego 2425, Atego 2429, Atego 2430, Constellation 24-250, Contellation 24-280 e os Cargos potentes tb. A diferença que pesa contra o MB1630 para este tipo de serviço é que ele tem um motor grande,praticamente 10L, e por isto pesado. Era um caminhão que consumia muito, pois como ele era pesado ele era ruim de balança passando somente com 12,5T de carga. Como o nome diz, ele é um Pesado. Naquela época as rodovias eram dominadas pelos MB1618 e MB1621 e começando o MB1620 e quando em uma serra ou até mesmo uma pequena subida vc encostava atrás de qualquer outro caminhão ou carreta, era só dar uma lampejada nos faróis, seta pra esquerda e passar com os canos abertos fazendo o 5cilindros berrarem pelo escape direto sem silencioso e escutar os elogios pelo Px. Enfim, hj temos caminhões com motores bem menores, 6 cilindros e com um torque parecido com os saudosos MB1524,MB1525, MB 1625 e MB1630. Mas adianto: Estes novos não sobem e não causam brilho nos olhos como os “Brejeiras” causavam e causam até hj.
    Espero ter ajudado.

    • Aguenta sim, dentre todos que podem tracionar carreta 3 eixos, é o cavalinho que possui menor consumo especifico, apenas 188g/Kwh, ou seja, é o caminhão que faz melhor média, o 113 por exemplo, tido como caminhão econômico faz 193g/Kwh. Então ele é o caminhão mais indicado pra andar no chapadão, se pegar serra, definitivamente é o caminhão menos indicado, algumas serras precisa até baixar caixa, o que não faz média nenhuma, além de cansar bastante o braço, quanto o motor aguentar, meu pai tem 1630 97 com carreta 3 eixos, fez o motor a primeira vez ano passado com 1.380.000 quilômetros

      • Caro Willian, muito grato pelo excelente testemunho sobre o LS-1630.

        Quanto ao consumo específico, se me permite, sim é um importante indicativo, mas na prática, o consumo em km/litro também depende do chamado “fator de carga”, ou seja, a porcentagem do tempo que o motor opera a plena carga (com o pé na tábua).

        Assim, um motor menor com melhor consumo específico, na prática, pode ser pior de média, por ficar mais tempo a plena carga (maior fator de carga) que um motor maior. Isso é muito comum no mundo dos automóveis, no qual muitas vezes um carro 1.4 é mais econômico que um 1.0 no mesmo tipo de operação.

        Um abraço.

        • Eu sei bem essa parte, é complexo chegar ao consumo Km/l apartir de cálculos, mas da pra ter uma base. fazendo os cálculos, num mundo ideal o 1630 faria 3,8km/l o 113 faria 3,4km/l, na pratica nunca teremos essa media, mas temos uma ideia de qual é mais econômico. atribui 1550 rpm contra 1400 do 113 e mesmo assim o 1630 se mostra mais econômico

  5. Claro q nao aguenta como ja foi dito e um caminhao pesado ale puxaria bitrem mas devagar nao pode nem dizer q e um 1519 aperfeisoaddo como ja vi muitos dizer

    • William, pesquisando as estatísticas de produção da ANFAVEA, não encontrei nenhum LS-1633 vendido no Brasil.

      De fato, o LS-1633 argentino era similar ao LS-1630, mas sua nomenclatura levava em conta a potência bruta, daí a diferença. Lançado em 1999, o LS-1632 entrou no lugar do LS-1630 e foi substituído pelo LS-1634, em 2001. O LS-1632 tinha motor OM-449 LA com 320 cv e 1470 Nm Euro 2.

      Obrigado.

    • Caro William, vou verificar se tenho o original deste catálogo para digitalizar e então enviarei com prazer. Quanto ao Atron, grato pela correção. Já corrigi o texto do post. Um abraço.

  6. Alguem pode me orientar?tenho whatsap 21982307287.
    Estou comprando um 1625 ano 93 de 8 marchas com diferencial do volvo..transformado em bau de 9 metros trucado ja ta resistrado no detran.
    Queria saber quantos km por litro ele podera fazer?
    Quantas toneladas podera carregar na balansa?

    Tenho uma opcao de compra um ford 1215 ano 91. 5 marchas ,Truck, bau de 9 metros.
    Me falem sobre esse ford tambem..
    Estoy a procura de um carro economico ,manutencao e bom de balanca..

    • Caro Evandro, para atender os novos padrões de emissões do Proconve P-5 (Euro 3), a partir de 2006 a Mercedes passou equipar o LS-1634 com motor OM-457 LA eletrônico de 340 cv, em substituição ao OM-447 LA mecânico Euro 2 de 360 cv. Na ocasião, a fábrica adotou uma nova grade dianteira com “bigode” cromado e para-choque dianteiro envolvente de desenho mais arredondado. A CMT subiu de 47 para 50 toneladas. Um abraço.

  7. Boa noite
    A caixa de marchas da 1630 e da 1935 são exatamente as mesmas? Com o passar dos anos houve alguma modernização desse cambio nos referidos modelos? o cambio ZF 16s 130 que consta nos folhetos era o mesmo das 1932, 1933 e 1934?

  8. amigo estou comprando um 1630 mais ele é um truck e com gabine curta sem leito, foi fabricado caminhão truck 1630 cabine simples ?

    • Olá, Osvaldo.

      Desculpe-me pela demora para responder. Estive afastado deste espaço por questões pessoais.

      Existiu o LS-1630 cabine simples, porém era produzido como execução especial, segundo literatura da Mercedes. Você pode verificar aqui. Veja a página 8.

      Grato pela visita.
      Um abraço.

  9. Stou pensando em compra um 1632 pr engatar na vanderleizinha 2 eixo . Mas stou com receio . Pois dizem. Q e ` fraco . Motor compricado e ruiim d subida bebe muito nessa cituaçao . . Amigos tem 1630 no caçanbao e estao satisfeitos . A final qual a diferença entre 1630 e 32 ? . As vezes acho melhor pegar um volvo nl 12 340/60 pois me diserao a e` resistencia pura ! E ta mesmo preço . Q duvida cruel . Ja pensei em ate jacare 280 cv . Q tambem me falaram q e` otimo. So q o q pega e` o ano . Por favor me ajudem . Pois minha tendencia e` pegar 1632 pois tem ano melhor . So nao me recomedam 1634 pois sei q esse e 100% aprovado porem nao cabe no bouço . Valeu ai pessoal . Aguardo

    • Caro Carlos, hoje em dia são raros os caminhões “ruins”. Sua escolha deve depender do estado do caminhão, de sua preferência (se “bate o santo” ou não), do tipo de negócio (se o preço é bom, se tem financiamento envolvido, etc.), se pega seu caminhão na troca, enfim, de vários fatores que são difíceis de opinar, sem ver os veículos em questão. Sem querer ser chato ou omisso, prefiro não emitir minha opinião sem ver os caminhões que você descreve. Boa sorte e um abraço.

    • Olá, Alexandre. Depende de como vai usar o caminhão e seu estado. O 1630 é um caminhão pesado com motor de 10 litros. O LS com cabine leito pesa quase 7.300 kg no cavalo mecânico. Um L-1618 no toco, só no chassi, pesa cerca de 5.000 kg. Ou seja, só aí você perde 2.300 kg. Se for passar em balança, é uma baita diferença. Se for operar em canteiro de obra, o 1630 tem a vantagem do motorzão OM-449 LA de 300 cv e o parrudo eixo HL-7 com redução nos cubos. Sem falar da caixa ZF de 16 marchas. É daí que vem o peso adicional. Boa sorte. Abraço.

  10. Bom dia.

    Tenho um 1630 truck caçamba pastre, é o caminhão que mais gosto pois em operação em obras por produção não tem para ninguém, pois, com consumo menos e sem forçar produz em média 30% a mais, sem contar o conforto da cabine para o motorista.
    Hoje com a queda nas obras estamos pensando em alongar, colocar um 4º eixo direcional e colocá-lo na estrada.

  11. Boa Tarde amigos quero uma ajuda de vcs estou com muita duvida, estou pegando um 1630 ano 96 no toco pára puchar um serviço meu que são 3 baus Para eventos que tenho que pesam em media carregados de 8.000 a 16.000 no maximo,e vão trabalhar de dois a 3 dias no mes e ficar parado de 21 a 30 dias e novamente vai rodar de 2 a 3 dias e sera assim durante o ano todo, sera que vou fazer um bom negocio pois acho ruim pegar um carro eletronico para ficar parado esse tempo todo ou pegar um 1634 ( que particulamente adoro)mais investir quase o dobro para ficar tanto tempo parado .
    as duvidas são a manutenção do 1630 o consumo e a revenda,
    os outros cavalos que me interessam são:
    1933 mercedes frontal entra em qualquer local facil manobra
    19320 consteletion por ser frontal tambem ou ate 18310 titan ou tractor por ser um material leve o meu
    ou se desse para o meu bolso no momento o 124 360 scania ou o 1634 mercedes
    obrigado pela ajuda amigos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Complete a conta. *