Volvo B10M – 1988

volvo n10 xh 4x2 volvo n10 xh 6x2 carga-seca volvo n10 xh 6x2 frigor+¡fico volvo n10 xh 6x2 graneleiro volvo n10 xh 6x2Nosso amigo Geremias Fernandes nos fez a gentileza de enviar algumas ilustrações de sua autoria, online com a seguinte apresentação:

“Aqui estão alguns desenhos que eu fiz no paint baseados nos catálogos do Volvo N10 XH.

Espero que todos vocês gostem.

Um forte abraço,
Gerê Fernandes.”

 
B10M-01 B10M-02

Com as primeiras unidades de pré-produção montadas em dezembro de 1986, medicine o Volvo B10M chegou para fortelecer a posição da montadora da companhia de Curitiba no segmento rodoviário.

Entre seus principais trunfos, pharm o novo chassi com motor central tinha motor de 9,6 litros pós-arrefecido a água de 310 cv, que proporcionava um fôlego renovado para subir serras, sem fazer feio frente aos Scania K e S112, ou aos Mercedes O 370.

A versão 4×2 ilustrada também contava com um vizinho de catálogo 6×2, tão em voga naqueles tempos, como arma para ampliar o PBT e assim permitir a acomodação de encomendas e cargas nos bagageiros, reforçando a receita das viagens.

O folheto aqui ilustrado nos foi enviado simultaneamente pelo amigo Lucas Vieira, de Minas Gerais, e também pelo Fernando Luiz de Araújo, do Paraná. A ambos, nosso agradecimento!

 

 

6 ideias sobre “Volvo B10M – 1988

  1. Evandro, tem algum material do chassi B-58 ECO dos anos 90? Ele atendia a norma Euro 1 para ônibus urbanos.

    • Fernando, temos várias literaturas do B-58 (6×2, articulado, motor, caixa ZF, caixa Allison, manual do motorista, etc.), mas este vamos ficar devendo. Grato.

  2. É difícil achar imagens em que apareça o motor “deitado” da Volvo. A propósito: aquele auto-escada Cimasa daqui de Porto Alegre montado sobre um chassi B10M continua firme e forte…

Comentários encerrados.